Após associar imagem de Youtuber a pedofilia, Record se retrata

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Record se retrata após associar imagem de youtuber a pedofilia
Maicon Küster interpreta vários personagens em seu canal no Youtube. Foto: Reprodução

Fazer TV não é fácil. Fazer jornalismo na TV, menos ainda. Na noite deste domingo (2), a Record exibiu no Domingo Espetacular a imagem de um pedófilo, que inclusive já foi preso. No entanto, a foto não era a do criminoso. Apesar de estar no suposto perfil do acusado, a imagem era de um Youtuber, Maicon Küster, usando uma peruca.

Logo na madrugada desta segunda-feira (3), Maicon reagiu à reportagem da emissora de Edir Macedo. Com razão, ele escreveu um Tweet criticando duramente o fato de que eles não conferiram a imagem antes de publicar. Agora, a Record se retrata, através de um comunicado. Em seguida, promete uma reportagem de retratação, ainda na noite de hoje.

Inicialmente, a emissora da Barra Funda garante que as imagens foram retiradas dos perfis que constam na investigação da Polícia Civil do Distrito Federal.

“Durante uma reportagem exibida ontem, 02/08, no Domingo Espetacular, sobre a prisão de um homem acusado de pedofilia no Distrito Federal, foram utilizados vídeos e fotos de perfis falsos que constam da investigação conduzida pela Polícia Civil local”, afirma a nota.

Em seguida, o comunicado emitido pelo canal se desculpa pelo ocorrido e garante o direito de retratação a Maicon, que foi diretamente envolvido no caso.

“Infelizmente, houve um equívoco ao apontar a imagem de um dos perfis como sendo a do pedófilo, quando, na verdade, ele usava fotos obtidas na internet. Lamentamos o que aconteceu e vamos apresentar, nesta segunda-feira, 03/08, no Jornal da Record, uma reportagem corrigindo a informação”, conclui.

Pode ir parar na justiça

Tão logo viu o equívoco da emissora, Maicon se pronunciou, afirmando que buscará na justiça a reparação pelos danos causados. Afinal, recentemente, um homem foi morto após ter imagens vinculadas na emissora, por ser suspeito de um crime.

De acordo com o Youtuber, ele corre risco de morte por ter sua imagem vinculada a de um criminoso dessa gravidade. Agora, com o comunicado em que a Record se retrata, não se sabe o próximo passo do influenciador.

“Ai Record, como vcs são capazes de dizer q o pedófilo preso era ‘ele de peruca’, sendo q a foto é minha? vcs têm noção q eu corro risco de morte por culpa da irresponsabilidade completa de vcs? não só vou processar vcs, como pedirei uma retração público por esse absurdo”, protestou o youtuber.

A reação da Internet foi quase imediata. Na manhã desta segunda-feira (3), a tag RecordLixo estava entre os cinco assuntos mais comentados do Twitter. E o histórico da emissora não ajuda.

Série de enganos…

Agora, a Record se retrata, mas seu histórico é uma testemunha contra ela. Uma das principais críticas dos internautas à emissora foi de que não é a primeira vez que esse tipo de equívoco acontece. Recentemente, após ter sua imagem exposta, mesmo que borrada, no Cidade Alerta, Alécio Dias foi assassinado. Ele era suspeito de ser o responsável pela morte de uma jovem de 18 anos. Apesar do alerta do apresentador, para que o público não fizesse justiça com as mãos, as informações incompletas da emissora bastaram para que ele fosse morto.

Também no programa de Luis Bacci, um homem acusado de agiotagem foi morto após aparecer no jornalístico. Ao vivo, a filha deu uma bronca em toda a equipe da emissora, afinal, nem o nome do homem eles sabiam. No vídeo, a repórter afirma: “a polícia não confirma, mas eu conversei com vizinhos que afirmam”. Na chamada da reportagem, o nome do homem estava escrito Josenildo, mas ele se chamava Josevaldo.

Menos trágico, em 2011, uma mulher ficou nacionalmente conhecida como a Grávida de Taubaté, por enganar toda a produção do Hoje em Dia e entrar ao vivo no programa. Ela dizia que não tinha condições de manter os quadrigêmeos que esperava. Ela usava uma barriga falsa. À época, Chris Flores se negou a entrar no cenário com a personagem, por não acreditar na história.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente