Após divórcio, Ivy Moraes diz que homem dá trabalho e dispara ‘Seria mais feliz se fosse Bi”

Ivy Moraes diz que homem dá trabalho e dispara 'Seria mais feliz se fosse Bi"
Ivy Moraes no Podcast Papagaio Falante

Ivy Moraes teve sua vida amorosa exposta no fim do ano passado. A ex BBB cancelou um casamento que aconteceria em Cancun apenas oito dias antes. Ela descobriu algumas traições do noivo, Rogério Fernandes, com quem se relacionou por 9 anos e tem um filho de 4. Passados quatro meses, a mineira segue solteira, nega que tenha muitos pretendentes e faz um desabafo.

“Talvez eu seria mais feliz se fosse bissexual. Homem dá muito trabalho. Sou muito hétero, meu erro é esse. Nunca fiquei com mulheres, tenho muita certeza do que eu gosto. Não existe uma fila de pretendentes, também não gosto de ficar por ficar. Ainda mais numa pandemia”, disse Ivy no podcast Papagaio Falante.

Durante a conversa com Sérgio Mallandro e Luis França, Ivy descartou também voltar para o ex-marido. A ex-BBB garantiu que esse é um assunto já superado: “A gente ia fazer uma cerimônia, mas aí teve o chifre. Foi só a gota d’água na verdade. Nossa relação já estava desgastada. Não tenho mágoa, não tenho raiva, já conversamos muito. Vivo bem com isso agora, é porque não era para ser, não tinha mais jeito”.

Aliás, Ivy está em processo de separação. Apesar de não ter realizado o casamento em Cancun, a ex BBB e Rogério Fernandes já eram casados no civil.

Veja Também: Ivy Moraes relembra cancelamento no BBB 20 “Ameaçaram meu filho de morte’

BBB

Ao propósito, durante uma participação no Programa Pânico na Jovem Pan, a modelo relembrou sua participação no Big Brother Brasil 20. “Eu era uma  péssima jogadora, não tinha visão de jogo nenhuma. Eu entrei dentro do Big Brother pra viver aquilo ali…pra beber, pra curtir e fazer amizades. Mas o Big Brother não é isso, ele é um jogo e você tem que entrar pra jogar.”

Ivy Moraes disse então que só percebeu que deveria ter jogado mais após sua eliminação do reality e revelou que se pudesse retornar ao BBB não votaria somente em uma pessoa. “Eu só percebi isso quando eu saí, vi que eu perdi a oportunidade de jogar. Eu não iria só em uma pessoa como eu fui no Babueu não quis me comprometer, o fato de você votar é muito ruim. Quando você vota, você acaba com o sonho de uma pessoa.’

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente