Após ganhar carro, mãe de Pocah chora e revela ataques

Na noite desta segunda-feira (22), Pocah ganhou um carro no Jogo da Discórdia no BBB 21. A funkeira disse que a conquista é para sua mãe, Marines Queiroz. Portanto, Marines só ficou sabendo da vitória da filha na manhã desta terça-feira (23) “Eu fui no médico e cheguei muito cansada e não vi o ao vivo. Só fiquei sabendo agora que meus amigos estavam me parabenizando.”

“As vezes eu não assisto porque eu to vendo o sofrimento da minha filha” revelou.

Marines se emocionou ao relembrar a luta da filha “A minha filha me ajuda, eu não tenho necessidade nenhuma. Minha filha gastou muito nessa casa aqui. Quando ela estourou, eram muitos shows por dia. Ela fazia 8 shows por dia. Minha filha foi um estouro sim. Ela não precisou ficar em porta de baile pedindo pra tocar as músicas dela não como dizem por ai”

Veja Também: Pocah ganha carro no BBB21 após jogo da discórdia

Ataques

A mãe de Pocah revelou que sofre ataques em seu bairro por ser muito humilde e se locomover de bicicleta “Eu abri um salãozinho e algumas vezes ela me ajudou. Ela ia levar comida pra mim e acabava fazendo unha das clientes. As pessoas hoje falando que eu ando de bicicleta no meu bairro, que eu sou muito humilde e levo uma vida de pobre. Eu não levo uma vida de pobre não, porque nenhum pobre tem a casa que eu tenho. Eu tô num bairro pobre sim, mas a minha filha venceu. Ela mora na Barra, eu não to aqui me engradecendo não”.

Aos prantos, Marines disse que é reconhecida em diversos locais do Rio de Janeiro mas é desdenhada onde mora “Eu morava num barraco feito de barro. Meu pai construiu um barraquinho, era muito bem feito. Meu pai alisou aquele barro como se fosse cimento. As vezes as pessoas riem de mim, no meu bairro eu sou atacada. Eu vou pra Copacabana e as pessoas querem tirar foto comigo mas aqui eu sou atacada.”

Caxias

Durante a pandemia, Pocah foi morar junto com o namorado Ronan e a mãe voltou para sua antiga casa em Caxias. “Na pandemia ela foi morar com o Ronan e não tinha necessidade de eu morar com ela pois ela tinha uma pessoa pra cuidar dela agora. Eu voltei pra minha casa que tava abandonada. Minha filha queria que eu ficasse lá no apartamento mas não tinha necessidade de ela pagar um aluguel pra mim. Minha filha ajuda muita gente, mas com essa pandemia fica difícil. Não que ela tava necessitada e foi pro Big Brother. Minha filha em casa e Deus não deixou faltar trabalho pra ela” desabafou.

Marines disse que nem sempre anda de táxi ou carros de aplicativo e é julgada por isso “Ver as pessoas atacando a gente por eu ser humilde. Uber as vezes não vem aqui porque é comunidade. As vezes eu ando de ônibus, se for preciso eu ando de trem também. Como eu sou conhecida as pessoas ficam rindo e debochando. Ficam julgando as pessoas pela aparência”.

Ela relembrou a luta da família “Eu tô tremendo muito. Eu vi a luta da minha filha no olhar dela. Tadinha da minha filha. O que eu fui e o que eu era, o que eu consegui… a minha história é linda. Quando minha filha estourou eu me beliscava. Minha filha chegava exausta e ia pro quartinho dela”

Após ganhar carro, mãe de Pocah chora e revela ataques

Ataques à Pocah

Marines revelou ataques à filha “Teve um dia que a Ana Maria Braga marcou de vir aqui mas a cozinha não tava pronta. Eu e os pedreiros corremos pra terminar mas ela cancelou. Eu dei graças a Deus porque não estava bom pra mostrar na televisão. Era pro povo reconhecer que tem uma artista no bairro. Quando ela falou que é rainha de Caxias as amigas de infância rindo dela. Atacando a minha filha nas redes sociais”.

Meu filho printou os comentários das pessoas daqui e me mandou. Dizendo que eu não vou na casa deles, que eu tô metida. As vezes a gente prefere ficar na nossa casa, na solidão. Muito decepcionada. Eu não posso ir na minha igreja, não posso sair no meu bairro porque as pessoas ficam me olhando torto. Cochichando….se a filha dela é famosa porque ela ainda mora aqui?” completou.

Por fim, Marines disse que a filha não deve ser chamada de ídolo “Eu não gosto de aparecer. Vida de artista não é pra mim não. É pra minha filha que gosta. Apesar de que ela tinha muita vergonha de televisão. Não quero que vocês vejam a minha filha como ídolo. Nós não devemos ter ídolos. Que os fãs vejam a minha filha como uma pessoa que eles amam, não como ídolo. Que a minha filha nunca seja ídolo. Porque isso diante de Deus não é bom.”

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente