Grupo de pagode Atitude 67 defende lives: ‘Público muitas vezes maior!’

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Atitude 67 lança álbum junino Arraiá 67
Atitude 67 lança álbum junino Arraiá 67. Foto: Divulgação

Lançando um álbum de hits de forró e sertanejo, o Atitude 67 vai apresentar o projeto através de uma live nas redes socais. A ideia inicial era apresentar o álbum num show, mas acabou se adaptando por causa do coronavírus. Em entrevista ao Famosando, Pedrinho, integrante do grupo, reflete a respeito do formato e declara que existem prós e contras.

“A indústria da música, assim como todo mercado, tem que se reinventar na pandemia. Descobriu-se esse formato da live, que é uma forma muito interessante de levar a música para a vida das pessoas”, aponta.

Apesar disso, revela que a energia não é a mesma do show ao vivo: “A gente confessa que é bem diferente fazer um show ao vivo do que fazer um show online sem a troca de energia que sempre rola nos shows”.

Por outro lado, o alcance da live é maior que o do show num espaço fechado. Afinal, a quantidade de pessoas é reduzida, fazendo da live um espaço de visibilidade.

“Você acaba pulverizando o público. Se você somar as pessoas que estão online te acompanhando, é um número muitas vezes maior que qualquer show”, explica.

Adaptado

Inicialmente, os meninos pretendiam fazer um show, com todos os convidados do Arraiá 67. Contudo, o coronavírus colocou esse plano em xeque. Assim, a solução foi a live. Pedrinho diz que, apesar disso, a live acabou facilitando para a gravação do show. Ele dá mais detalhes sobre os bastidores.

“A ideia era gravar um show, com a participação dos artistas. Até porque, é muito difícil encaixar a agenda de tanta gente importante que participa. Mas, com a pandemia e para tomar todos os cuidados, cada um gravou da sua casa e nos mandou o vídeo.”, declara.

Enquanto isso, os componentes do Atitude 67 filmaram sua participação todos juntos, com uma câmera, para evitar vários membros da equipe. Pedrinho justifica a companhia dos colegas: “Nós já moramos todos juntos!”.

Álbum de feats

O Arraiá 67 é um álbum com colaborações. Todas as músicas são releituras de clássicos do forró e do sertanejo. Os meninos convidaram vários artistas para participar, entre intérpretes e compositores. Assim, dão outras roupagens para canções que ganharam o público. Ao falar a respeito da ideia, Pedrinho defende o formato.

“Feat é uma proposta muito legal, porque acaba misturando verdades e estilos diferentes. Isso acaba tornando essa música única. Foi uma intenção de juntar grandes sucessos do sertanejo e do forró com as pessoas que interpretaram ou compuseram essas músicas”, conta.

Em seguida, o artista justifica: “Foram feats muito legais de serem feitos, porque a gente conseguiu trazer a verdade desses artistas e somar a nossa musicalidade e colocar a Música do Atitude 67 em cima desses hits”.

O Arraiá 67 será lançado na noite desta sexta-feira (31), às 20hs, com apresentação da ex-BBB Gizelly Bicalho.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente