Ator português é morto a tiros em plena luz do dia

Bruno Cande, de 39 anos, foi assassinado com 4 tiros em Portugal
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Ator português Bruno Cande é morto a tiros em plena luz do dia
Ator português Bruno Cande é morto a tiros em plena luz do dia

O ator português, Bruno Cande Marques, foi morto a tiros em plena luz do dia neste fim de semana em Moscavide, próximo a Lisboa em Portugal. Bruno foi atingido em várias partes do corpo por quatro tiros à queima roupa disparados por um homem de 80 anos que foi preso no local portando uma arma de fogo. Ele tentou fugir mas foi abordado por pessoas que estavam nas proximidades até a polícia chegar. O ator de 39 anos estava passeando com sua cachorrinha de estimação quando foi alvejado em plena rua, o óbito foi declarado no local.

Segundo a imprensa portuguesa, o homem detido e Bruno teriam tido uma discussão três dias antes do crime, quando o homem teria batido em Pepa, a cadela de Bruno. O idoso teria dito ainda para ele voltar para a sua terra e ameaçado matá-lo.

Em comunicado, a família de Bruno, frisou acreditar que se tratava de um crime de ódio. “Fica evidente o caráter premeditado e racista deste crime hediondo. Os filhos, a família e amigos do Bruno Candé Marques perderam um pai, um filho, um irmão e um amigo cuja vida foi ceifada pelo ódio, uma perda irreparável. Prestamos homenagem ao Bruno e exigimos que a justiça seja feita de forma célere e rigorosa”, afirmava o comunicado.

Ator português Bruno Cande é morto a tiros em plena luz do dia
Ator português Bruno Cande é morto a tiros em plena luz do dia

Bruno pertencia à companhia de teatro Casa Conveniente desde 2010 e participou de novelas como Única Mulher e Rifar o Coração. Ele tinha 39 anos e deixa três filhos, dois rapazes, com cinco e seis anos, e uma menina, que completará 3 anos em Agosto.

Veja Também: Aos 28 anos, astro do K-pop é encontrado morto

Há dois anos e meio, Bruno sofreu um acidente de bicicleta e tinha desde então, segundo a família, “sequelas em todo o seu lado esquerdo”, tendo-lhe sido atribuído “um atestado de incapacidade, sendo as limitações de mobilidade evidentes.”

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente