Com Libertadores, SBT amarga terceiro lugar de audiência

Com Libertadores, SBT amarga terceiro lugar de audiência
Com Libertadores, SBT amarga terceiro lugar de audiência. Foto: Reprodução/SBT

O sonho de transmitir o futebol não rendeu a tão sonhada liderança de ibope ao grupo Silvio Santos. Aliás, agora o SBT amarga terceiro lugar de audiência em São Paulo, de acordo com números prévios. Até A Fazenda teve um desempenho melhor.

Contudo, a disputa foi difícil. Logo após Fina Estampa, que contava 37 pontos de audiência, a Globo colocou um Corinthians x Bahia pelo brasileirão. Segurou os altos índices. Assim, agradou o público que gosta mesmo é do esporte. A torcida do Palmeiras tinha outras opões, como a Fox Sports; Ademais da Conmembol TV, streaming da detentora dos direitos de imagem do campeonato.

No final das contas, a Globo contou 24 pontos de audiência durante a partida, enquanto o SBT amargou 10 de média. Quando A Fazenda começou, marcou média de 11 pontos. Jesus, Apocalipse e o reality da Record foram ao ar durante o jogo.

Dessa forma, no primeiro tempo, enquanto a emissora da Barra Funda passava novelas, a Libertadores segurou o a vice-liderança. Contudo, as polêmicas envolvendo os peões da Record conquistou o público. Assim, SBT terminou a noite com 10 pontos de média e a Record com 11.

Transmissão mais ou menos

O SBT até tentou, mas não conquistou o público com sua transmissão da Libertadores. Por exemplo, logo após o término do jogo, começou o Programa do Ratinho. Não houve um ‘pós-jogo’, como o público está acostumado. Sem entrevistas com jogadores ou cobertura jornalística para analisar a partida, o canal passou o jogo e ponto. Nada mais.

É possível concluir que o telespectador espera mais que apenas a partida. Para entregar um produto de qualidade, a emissora de Silvio Santos tem que fazer um investimento mais alto em equipe técnica, analistas e jornalistas esportivos. Por enquanto, o torcedor do Palmeiras teve que se contentar com a narração de Téo José e sem grandes informações jornalísticas.

A credibilidade do SBT na transmissão esportiva também não é das melhores. A inconstância da grade e até rupturas de contratos nos anos 1980 e 1980, quando transmitiu o futebol, jogam contra a emissora. Além disso, o mercado publicitário e o público sabem que Silvio Santos pagou quatro vezes menos que a Globo pelos direitos da Libertadores. O valor caiu de R$60 milhões para R$15 milhões.

Mas, por quê? De acordo com o Máquina do Esporte, a Globo não abria espaço para os patrocinadores oficiais da Conmembol no intervalo do jogo. Por sua vez, a comissão decidiu não aceitar a proposta do grupo da família Marinho e se vendeu ao SBT.

Ainda assim, os quinze milhões anuais são o maior valor já investido pelo SBT para uma transmissão esportiva. É, contudo, um valor que deve aumentar com equipe técnica e jornalística para tal trabalho.

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente