Conheça Thyago Furtado; artista em ascensão na cena indiepop

Depois de angariar mais de 100 mil plays nas plataformas com At Least, Thyago Furtado volta ao indiepop para a slow dance Goldmines. A faixa, que é uma colaboração com Cassio Vidal, conta com baixos e synths pegajosos e letra que reflete sobre a fé individual.

Thyago Furtado e Cassio Vidal (Foto: Divulgação)

O cantor, que já lançou um EP com cinco faixas pela Sony Music Brasil, foi considerado artista em ascensão pela revista Glamour e tem trabalhado constantemente nas músicas de seu álbum em português, além de parcerias com DJs renomados no cenário eletrônico.

“Fazer música é uma das coisas mais incríveis que poderia ter acontecido na minha vida. Criar algo do zero e no fim ouvir alguém cantando é a melhor sensação que eu já senti”, diz ele, que começou a se apresentar em festivais e até se juntou ao The Week On The Road, em dezembro de 2019, antes da pandemia se instaurar no mundo.

“As coisas pareciam estar indo bem, mas não consigo lamentar por essa pausa, apenas o que estamos vivendo, que é uma questão mundial. É muito maior que eu. Além disso, estou compondo para outros artistas – alguns famosos. Depois que tudo melhorar, nós veremos como vamos caminhar artisticamente”, garante.

Na nova música de Thyago, em parceria com Cassio Vidal, que já chegou a abrir show de Maite Perroni no Brasil, o artista paulista fala justamente disso: de buscar sua fé e manter seus objetivos – e foi criada durante a pandemia.

“Cassio e eu sempre trabalhamos compondo juntos e decidimos tentar algo diferente que acabou surgindo durante essa pandemia. Juntamos nossas indagações e resultou Goldmines”, explica Thyago, que também assina a produção. A ilustração da capa é assinada por Jennifer Defensor.

“A fé é uma coisa que mexe com a gente e percebo que as pessoas têm medo de cavar certas questões, mas fizemos de forma leve”, continua o cantor. A produção traz referências a Daft Punk, com seu vocoder expressivo, e George Moroder, o pai da disco music.

“É engraçado porque eu e o Thyago sempre conversávamos sobre fé e se apegar em algo. Goldmines leva consigo essas nuances de sentimentos e questionamentos que estão por aí, apenas resumidos em melodias”, explica Cassio Vidal.

Trilha sonora


Goldmines também poderá ser escutada no novo curta-metragem produzido e dirigido por Washington Calegari, responsável pelo premiado Do Lado Dillah, disponível na Globoplay.

Com previsão para o primeiro semestre deste ano, o projeto conta com elenco da Cia. Bruta de Arte, além do ator Edivaldo de Souza, criador da famosa Drag Queen da noite paulistana Dillah Dilluz.

“Quando o Calegari ouviu uma das músicas, me disse que parecia que eu tinha lido o roteiro antes de escrever. Foi sintonia total. Ele é muito talentoso e eu estou muito ansioso. Inclusive, outras canções do meu projeto farão parte desse filme. É muito incrível ver uma arte complementando outra”, comenta Furtado.

Ainda em 2021, Thyago vai dar o pontapé no lançamento de suas músicas em português, que farão parte de seu álbum, Labirinto, e será disponibilizado em formato lego (faixa por faixa). Já Vidal está trabalhando em seu EP de estreia, que contará com quatro faixas. 

Thyago Furtado (Foto: Ita Mazzutti/ Divulgação)

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente