Estado de saúde de Vanusa é grave, informa boletim

Estado de saúde de Vanusa é grave, informa boletim
Estado de saúde de Vanusa é grave, informa boletim. Foto: AgNews

Há quase vinte dias no hospital, o estado de saúde de Vanusa é grave. Internada na UTI do Hospital dos Estivadores de Santos, no litoral sul de São Paulo, o boletim médico mais recente informa que ela segue intubada e sem melhora. Aos setenta e dois anos, ela apresenta complicações no pulmão.

“Minha mãe está em estado grave por uma série de motivos, inclusive por estar intubada. Também por conta da idade e do histórico de doenças, os médicos me esclareceram que é impossível dizer que o quadro não é grave.”, informa Rafael Vanucci, filho da cantora.

Além disso, o empresário também explicou o motivo de sua mãe ter sido intubada e lembrou as várias oscilações de pressão. Recentemente, um boletim médico informou que este foi o primeiro quadro a mostrar a piora da saúde da artista.

“Ela apresentou piora que foi determinada com a constatação de água no pulmão. Teve também alteração de pressão e tudo isso fez com que a intubassem para preservar as vias respiratórias. Agora, dependemos de uma reação dela”, explica.

Ademais, o boletim indica que o quadro é grave, porém estável desde ontem, quando ela foi intubada: “A paciente Vanusa Santos Flores mantém-se internada na Unidade de Terapia intensiva desta instituição. Encontra-se intubada e com necessidade de ventilação mecânica. O quadro é grave, porém estável nas últimas 24 horas!”.

Histórico de problemas

Além da internação, Rafael ainda levanta outros problemas de saúde da mãe, decorrentes do álcool e uso excessivo de remédios. De acordo com ele, a cantora sofria com uma depressão, que foi responsável por parte das complicações de saúde.

“Há 12 anos ela foi atingida por problemas com remédios, bebidas, depressão e dependência química. Tudo piorou há cerca de 5 anos quando [contraiu] uma bactéria, a H. pylori, ao tomar água. Essa bactéria a fez emagrecer quase 40 quilos e isso agravou seu estado. Ficou muito debilitada e as medicações passaram a não fazer mais efeito”, informou.

Ainda de acordo com Rafael, antes de eles optarem por internações, a mãe recebeu tratamento doméstico. Os filhos contrataram enfermeiras, mas a cantora não se adaptou a nenhuma das nove que passaram por sua casa. Dessa forma, eles optaram por interná-la em clínicas de repouso ou casas de idosos.

“Cerca de 8 ou 9 enfermeiras passaram por sua casa, mas ela não aceitava”, explica.

Rafael ainda nega que a mãe tenha Mal de Alzheimer. De acordo com ele, a cantora sofre de Síndrome Demencial, o que não tem relação com a doença degenerativa.

Dessa forma, entende-se por síndrome demencial a condição adquirida, caracterizada por declínio cognitivo e com comprometimento das funções sociais e funcionais. Aliás, é um termo geral para várias doenças neuro-degenerativas, inclusive o Mal de Alzheimer.

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente