Fiuk explica crise financeira e desmente boato de mesada

Fiuk explica crise financeira e desmente boato de mesada
Fiuk explica crise financeira e desmente boato de mesada. Foto: Reprodução/Gshow

Durante o Chat com o eliminado, na madrugada desta quarta-feira (5), Fiuk explica crise financeira. Afinal, o motivo que deu para ganhar o prêmio de 1,5 milhão de reais até virou meme nas redes sociais. Aliás, ele viu as publicações logo depois de deixar a casa. Portanto, não teve medo de colocar às claras o que aconteceu em sua vida para que passasse pro dificuldades com dinheiro.

“Eu tinha acabado de investir em um evento quando começou a pandemia. Não tenho vergonha de dizer que passei por um momento ruim. Escondi isso, mas já que eu estava me expondo, perdi a vergonha. Mas confesso que acho que me emocionei demais!”, explicou.

Em seguida, ele contou é emancipado desde os 16 anos. Além disso, falou que recebeu uma ótima educação financeira do pai. Por isso, sempre se sustentou e, dessa forma, não ganha mesada do pai desde os 15. “Sempre vivi de eventos, então sempre me arrisquei. Mexeu muito comigo. Acabei me expondo muito na hora e já vi, inclusive, alguns memes. Eu sou emancipado desde os 16 anos, óbvio que poderiam pensar que o filho do Fábio Jr. é mimado”, declarou.

Leia mais

Fiuk leva bronca de Boninho na final do BBB
Fabio Jr desmente fake news sobre Fiuk
Fiuk se desculpa por falar de crise financeira

Sem neuras

Fiuk morava em mansão milionária antes do BBBFiuk morava em mansão milionária antes do BBB.
Fiuk morava em mansão milionária antes do BBB. Foto: Reprodução/Globoplay

Apesar de a provável mesada virar motivo de críticas, Fiuk deixou claro que não teria problemas em dizer que ganhava dinheiro do pai. Afinal, não é nenhum crime.

“Se eu ganhasse mesada, se ele tivesse conduzido minha vida assim, também não teria vergonha, mas infelizmente, ele não paga, tá galera? Eu moro com ele, mas desde os 16 anos pago minhas contas. Fico alternando entre meu pai, minha mãe e sou muito caseiro”, esclareceu.

Por fim, o cantor também avaliou sua passagem pelo Big Brother. De acordo com ele, o programa serviu para evoluir e perder a vergonha de falar de transtornos mentais que o afligem. Aliás, se tornou um passo para debater o tema.

“Acho que tive coragem de ser eu. Sempre fui tão inseguro. Sou ator e cantor, então me dei o direito de ser imperfeito, sempre escondi minha depressão, meu TDAH, por conta das redes sociais, que as pessoas estão sempre sorrindo. Foi uma experiência muito dolorosa, mas muito transformadora. Foi lindo. Estou muito grato, porque estou muito realizado. Não sou perfeito, desculpa decepcionar as pessoas. Carrego as minhas dores, mas também sou gente fina”, finalizou.

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente