Ingrid Guimarães comenta trabalho de Regina Duarte: ‘Temo pelo nosso futuro’

Ingrid Guimarães comenta trabalho de Regina Duarte
Ingrid Guimarães comenta trabalho de Regina Duarte. Foto: Reprodução/CNN e GNT

Durante coletiva de imprensa a respeito da nova temporada do Além da Conta, do GNT, Ingrid Guimarães comenta o trabalho de Regina Duarte a frente da secretaria de Cultura do Brasil. A artista declara que o cinema enfrenta uma crise das maiores já vistas na história.

“(A situação da cultura) me preocupa e me preocupa muito. Nós já tínhamos de um período difícil no ano passado, com vários fundos bloqueados, filmes que estavam no meio da produção e estão travados, outros já foram captados, mas estão com o recurso bloqueado. Está realmente muito difícil. Além disso tem  burocracia da ANCINE que tem dificultado muito a nossa vida. Então, me preocupa muito a respeito do cinema!”, declarou.

A comediante ainda reforçou que os mais prejudicados serão os pequenos artistas e grupos de teatro que precisam de recursos públicos para se manter.

“Eu não temo por mim e outros artistas famosos, não. Eu temo pelos pequenos grupos, por quem dependia dos editais, dos recursos. Temo pelos artistas com menos recursos, artistas que dependem do teatro para sobreviver. Esses sim, eu tenho medo!”, relata.

A atriz e apresentadora ainda faz uma análise mais densa com relação à indústria do cinema.

“Agora, se o cinema não tiver uma política de incentivo daqui pra frente, principalmente para os pequenos cinemas, muitas salas estão fechando… o cinema precisa de uma política de proteção, principalmente por causa da invasão do cinema americano, muita gente não consegue se manter”, analisa.

Desafios em casa

Ingrid também comentou a rotina em casa com a família. Estudando com a filha, a atriz diz que tem valorizado o trabalho dos professoras a cada dia mais.

“Fazer ela entender que estamos em casa, mas não de férias levou um tempo. Agora temos nossa rotina, montamos um horário e ela entendeu. Mas, é uma coisa doida, porque a gente tem que estudar tudo de novo. A matemática da minha época é totalmente diferente de hoje em dia, então, tem que aprender tudo de novo. Enfim, tem que aplaudir os professores, valorizá-los. Quando ela voltar para a escola, vou dar uma festa!”, relatou.

Anteriormente, a humorista ainda comentou a importância da comédia nesse momento.

“É importante a gente ter uma válvula de escape, ter uma pessoa que nos faça rir. Principalmente nesse momento. É claro que precisamos tomar muito cuidado com o que é dito!”, relata.

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente