Juju Salimeni diz que ficará na X9 Paulistana mesmo após queda para Grupo de Acesso

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

A modelo é rainha de bateria da agremiação

Juju no desfile da X9 – Foto Leo Franco/ Agnews

Juju Salimeni lamentou a queda da X9 Paulistana para o Grupo de Acesso do carnaval paulistano. A modelo é rainha de bateria da agremiação há 3 anos e declarou que continuará com a escola no próximo carnaval “São 3 anos à frente dessa bateria, 3 anos que fui acolhida por uma comunidade guerreira, 3 anos que me sinto em casa e serão mais quantos anos me permitirem ter essa honra!”.


“Estarei sempre com vocês, onde vocês estiverem!! Nesse momento tão injusto e triste para minha escola, deixo aqui meu amor e parceria, que se depender de mim, será eterna!! Amo vcs” finalizou.

Juju Salimeni – Foto Leo Franco/ Agnews


A X9 foi a última escola a desfilar no primeiro dia de desfiles, sexta-feira 21. Já com o dia claro e uma leve chuva a escola adentrou o Sambódromo do Anhembi em São Paulo levando o enredo “Batuques para um rei coroado”, mostrou a batucada de várias regiões do país.

Na apuração, a escola começou com menos 0,5 na pontuação pois o 2º carro, que mostrava a Festa do Divino, era dividido em duas partes que se separaram. Integrantes seguiram carregando as partes soltas, e os jurados contaram como se fossem 2 alegorias, sendo assim a escola excedeu o número máximo de alegorias sendo penalizada.

Juju representou as rainhas dos carnavais de Parintins, com um costeiro de penas sintéticas. O desfile marcou a estreia do carnavalesco Pedro Alexandre, o Magoo, que já passou pela Mancha Verde e pela Nenê de Vila Matilde. O músico Arlindinho coassinou o samba. Ele começou na escola no ano passado, quando a X-9 homenageou o pai dele, Arlindo Cruz.


Além de Juju Salimeni como rainha, Tarine Lopes foi madrinha da bateria. O bailarino Igor Maximiliano, professor da última edição do quadro “Dança dos famosos”, do Domingão do Faustão”, foi o muso da escola.


A X9 venceu o carnaval de São Paulo em 1998 e em 2000. Em 2019, ficou na 10ª posição e em 2020 foi rebaixada ao grupo de acesso com a 13ª colocação.

Juju Salimeni – Foto Leo Franco/ Agnews
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente