Lexa beija integrante da Tijuca em ensaio descontraído

Lexa beija integrante da Tijuca em ensaio descontraído
Lexa beija integrante da Tijuca em ensaio descontraído. Foto: AgNews

Fotos de um paparazzo atento mostram o momento em que Lexa beija integrante da Tijuca durante ensaio descontraído da agremiação carioca. A quadra foi palco de uma live na noite desta quinta-feira (5) e a Rainha de Bateria marcou presença. Em 2022, a Tijuca leva para a Marquês de Sapucaí o enredo Waranã, a Reexistência Vermelha. Aos poucos, a agenda de eventos do Rio de Janeiro volta a funcionar normalmente. Aliás, o Governo carioca pretende liberar celebrações por completo antes do Réveillon.

Apesar de uma agenda mais maleável de controle da pandemia, todos ainda devem usar máscara. E assim se fez – Lexa e todos os componentes da Tijuca usaram o acessório de segurança, ainda assim, rolou um selinho dela com um integrante da escola. Em clima de brincadeira, o paparazzo registrou o momento da Rainha de Bateria.

A mãe de Lexa, Darlin Ferrattry, também estava lá e, assim que chegaram na quadra posaram para fotos. Curiosamente, as duas também deram um selinho em frente às câmeras do fotógrafo, no mesmo clima de descontração.

Esse ano, o Secretário de Saúde do Rio de Janeiro assinou um contrato com a LIESA no qual garante o uso da Marquês de Sapucaí pelos próximos quatro anos. Sendo assim, existe uma expectativa alta de que tudo dê certo nas comemorações de 2022.

“A gente espera que as pessoas possam aproveitar de maneira segura o carnaval, mas isso só pode acontecer quando tiver uma boa cobertura vacinal, com 100% da nossa população vacinada, o que tudo indica que a gente vai conseguir atingir esse objetivo”, afirmou o secretário ao G1.

Leia mais

Após cirurgia, Lexa deixa hospital em cadeira de rodas
McGuimê recebe Lexa com presente em aeroporto
Mãe de Lexa faz tatuagem em homenagem à filha

Enredo

Em 2022, a Unidos da Tijuca leva para a Marquês de Sapucaí o enredo Waranã, a Reexistência Vermelha. Aliás, o carnavalesco Jack Vasconcelos assume o Grêmio Recreativo pela primeira vez. Em 2021, a agremiação já iria contar essa história na avenida, contudo, o cancelamento dos desfiles por causa da pandemia do coronavírus adiou o evento. Sendo assim, o Morro do Borel guardou essa história na manga para o próximo desfile.

Waranã é a lenda que conta a história do Guaraná. É uma história do povo indígena Sataré Mawé.

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente