Luan Estilizado teve 108 shows cancelados e pede atenção das autoridades

O forrozeiro Luan Estilizado apela as autoridades competentes para uma solução para os artistas
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Neste período de pandemia em que vivemos, muitos setores pararam completamente, alguns parcialmente, alguns até ja voltaram e outros estão sem previsão de retorno. Já era sabido que o setor do entretenimento seria um dos últimos a retomar suas atividades normais. E o cantor Luan Estilizado resolveu se manifestar sobre o assunto.

Os shows, os espetáculos, os eventos esportivos, normalmente causam uma grande aglomeração de pessoas e justamente por este fato, até então, nenhuma espectativa em relação ao retorno destas atividades está nos planos pelo menos por enquanto.

Luan Estilizado
Luan Estilizado – Foto: Divulgação

O forrozeiro Luan Estilizado foi diretamente atingido e informa que já teve mais de 108 shows cancelados devido a pandemia “Estamos esquecidos pelas autoridades e muitas famílias envolvidas que precisam se alimentar, voltar a trabalhar e ter alguma esperança. São 128 dias parados em casa, sem qualquer previsão. Olhem para nós!”

O cantor usou suas redes sociais para apelar ao governantes que deêm uma maior atenção ao setor de shows e entretenimento, setor esse que emprega milhares de pessoas em todo o país e que está completamente parado.

Estilizado sugere para que medidas sejam avaliadas para um retorno com segurança e, que pelo menos, autoridades governamentais aceitem debater sobre o assunto e desenhem, juntos, uma estratégia para que esse setor volte.

Luan entende a pandemia

Luan Estilizado reconhece o cenário mas, por outro, lado explica em seu vídeo seu ponto de vista “Sei bem como esse assunto é delicado e me solidarizo com todas as pessoas que, infelizmente, perderem amigos e familiares na Covid. Meus sinceros sentimos. Rezo todos os dias para que a cura chegue logo e que os números diminuam cada dia mais. Mas, hoje, vim aqui fazer um apelo aos governantes que olhem para a gente, também. Nós somos um dos setores que mais movimentam a economia do país e estamos aqui, sem um plano, sem uma conversa, sem nada. Estamos esquecidos pelas autoridades e muitas famílias envolvidas que precisam se alimentar, voltar a trabalhar e ter alguma esperança. São 128 dias parados em casa e sem qualquer previsão. Olhem para nós!”.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente