Morre Charlie Watts, baterista do Rolling Stones

Morre Charlie Watts, baterista do Rolling Stones
Morre então Charlie Watts, baterista do Rolling Stones

Charlie Watts, baterista do Rolling Stones, morreu aos 80 anos. O agente de Charlie, Bernard Doherty,confirmou a informação à imprensa em um comunicado publicado também no Instagram oficial a banda.

“É com imensa tristeza que anunciamos a morte do nosso amado Charlie Watts. Ele morreu em paz em um hospital de Londres hoje cedo cercado por sua família. Ele era um estimado marido, pai e avô e e também como membro dos Rolling Stones um dos grandes bateristas de sua geração. Pedimos gentilmente que a privacidade de sua família, membros da banda e amigos próximos seja respeitado nesse momento difícil”, dizia o comunicado.

Considerado um dos maiores bateristas do rock, Charlie passou por um “procedimento bem-sucedido” em Londres depois que encontrou-se um problema no coração durante um check-up de rotina. Apesar disso ele não poderia participar das datas da turnê No Filter, e em entrevista, brincou sobre a situação.

“Pela primeira vez, meu tempo está um pouco errado”, disse ele, numa alusão ao tempo da bateria. “Estou trabalhando muito para ficar em forma, mas hoje aceitei, por recomendação dos especialistas, que isso vai demorar um pouco. Depois de toda a decepção com atrasos na turnê causados ​​por Covid, eu realmente não quero que os muitos fãs dos Stones nos Estados Unidos que têm ingressos tenham outro adiamento ou cancelamento”, afirmou então o músico.

O objetivo dos Stones era fazer com que ele voltasse a se preparar para as grandes celebrações do 60º aniversário da banda em 2022, quando eles lançariam seu primeiro álbum de canções originais em 17 anos.

Veja Também: Influenciadora joga brinquedo no lixo após descobrir conteúdo impróprio

Morre Charlie Watts, baterista do Rolling Stones
Morre então Charlie Watts, baterista do Rolling Stones

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente