Nicole Bahls está se locomovendo de cadeira de rodas “Aprendizado”

Nicole Bahls está se locomovendo de cadeira de rodas "Aprendizado"

Nicole Bahls está se locomovendo de cadeira de rodas desde que quebrou o pé no último fim de semana. Aliás, a modelo contou que não pode colocar o pé no chão e para isso tem precisado usar de muletas e cadeiras.

“Oi, família Bahls. Estou passando aqui para falar que já estou bem melhor. Quebrei meu pé e estou tendo algumas dificuldades para andar, porque tem que ficar cinco dias sem colocar o pé no chão. Estou andando de cadeira de rodas, tomando banho de cadeira, andando com muletas”, contou.

Nicole, então, contou que tem refletido sobre a vida dos cadeirantes e que as pessoas precisam ajudar mais “Esses dias têm me feito refletir muito. Acho que tudo na vida é para nosso aprendizado, tudo é para o bem. Isso me fez parar para refletir muito mais nessas pessoas que dependem de uma cadeira de rodas para andar, muleta. Acho que a gente tem que parar mais para ajudar as pessoas. Imagina as pessoas que dependem dos outros para tomar água, banho”.

Apesar de tudo, a modelo contou que já pensava muito nos deficientes físicos “É muito triste, sofrido. Esses dias têm servido de muito aprendizado na minha vida, com certeza. Já pensava muito nessas pessoas, já fiz doação de cadeiras de rodas. Pensei muito no que os deficientes físicos passam no percorrer da vida, as dificuldades. Tem muitos que não têm nem a família para cuidar… São poucos dias, mas estou sofrendo”, concluiu.

Nicole Bahls está se locomovendo de cadeira de rodas "Aprendizado"
Queda

Nicole Bahls fraturou o pé na obra do seu sítio, em Itaboraí, na região metropolitana do Rio de Janeiro, na tarde do último sábado (24). De repouso em casa, ela contou à Revista Quem que pisou em falso em um degrau da escada. “Quebrei o pé na obra. Pisei em falso em um degrau da escada. Estou agoniada. E vou ter que viajar para Cancún a trabalho de bota ortopédica”, declara.

Veja Também: Nicole Bahls sobre a quarentena “Estou respeitando até a vacina chegar”

“Doeu demais, mas consegui chegar em casa ainda andando. Dormi, quando acordei de madrugada para ir para um evento em São Paulo, cai no chão de dor e não conseguia me levantar, a dor era tanta que começou embasar a vista pra desmaiar. Aí, fui ao hospital, fiz raio-x e deu que tinha fraturado, colocaram a tala e o médico pediu cinco dias sem tocar o pé no chão”, completa.

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente