Preta Gil comenta boatos lançados por Anitta: ‘Chocante, triste!’

Preta Gil comenta boatos sobre Anitta
Preta Gil comenta boatos sobre Anitta. Foto: Reprodução/Instagram

Em vídeo de mais de 10 minutos publicado no Instagram, Preta Gil comenta boatos lançados por Anitta no começo de sua carreira. A cantora foi a primeira famosa a se manifestar sobre um áudio polêmico que envolve seu nome e o de outras celebridades. Gravado pela poderosa, supostamente para Leo Dias, a cantora relata histórias em que cita a baiana, Marília Mendonça, Pabllo Vittar, Jojo Todynho, entre outras famosas. Além disso, a poderosa ainda fala de um caso envolvendo Claudia Leitte e Ivete Sangalo, mas indiretamente.

“Vazou um áudio da Anitta onde ela conta, supostamente para o Leo Dias, aquela história antiga, aquela mentira antiga, do tal grupo do WhatsApp de que supostamente a Jojo disse a ela que existia e eu e Pabllo e Gominho falávamos mal dela etc.”, conta a cantora no início de um vídeo de 12 minutos, o qual você acompanha ao longo da nota.

Preta conta que sempre buscou conversar com a própria Anitta a respeito de notícias que saiam envolvendo seus nomes. Por isso, em vez de se manifestar a respeito da notícia, procurou a própria cantora para comentar a respeito.

“Eu nunca vim falar a respeito disso, até porque depois de um tempo saiu o livro e a pessoa que eu achei que tinha que falar era com ela mesmo. E disse a ela que esse grupo nunca existiu. E se ele nunca existiu, nunca existiu, obviamente, a Jojo ter lido a gente falando mal dela. Até porque eu nunca falei mal dela nem ao vivo, nem de jeito nenhum!”, defende-se.

Preta, então, reforça que sua conversa sempre foi direto com seus colegas de profissão, sem colocar mais fogo nos boatos.

“Quando essa notícia saiu nos jornais, eu liguei para ela e disse que isso era mentira. Eu não vim aqui desmentir, não gravei vídeo nem nada disso, porque eu acho realmente isso uma baixaria. E isso não condiz com a minha pessoa, com meu caráter, com a minha personalidade!”, declara.

A biografia escrita por Leo Dias
Leo Dias teria escrito inverdades sobre Preta Gil no livro de Anitta
Leo Dias teria escrito inverdades sobre Preta Gil no livro de Anitta. Foto: AgNews

Posteriormente, ainda no relato em que Preta Gil comenta boatos lançados por Anitta, ela destaca a gravidade das notícias dadas. Contudo, ressalta que era apenas uma ação de marketing para divulgar a biografia de Anitta escrita pelo colunista de celebridades, quem fez pesquisas para encontrar os tais boatos envolvendo a carreira da carioca.

Veja Também: Em áudio, Anitta acusa Preta Gil de xingar amigas pelas costas

“Na época foi bem grave. Lembro que os fãs me detonavam, me chamavam de cobra. Eu, com minha consciência bem tranquila, fiquei na minha, sem entrar nesse jogo sujo. Até porque essa nota saiu como uma prévia do livro. Era um esquenta.”, destaca.

Inicialmente, a filha de Gilberto Gil ainda tentou alertar tanto o jornalista quanto a cantora a respeito das várias mentiras relatadas na obra que envolviam seu nome. Ainda assim, não quis envolver seu nome diretamente no livro.

“Antes do livro sair, o Leo me mandou capítulos do livro nos quais ele me citava. Histórias que ele tinha colhido com pessoas próximas Eu perguntei se era ela quem tinha dito isso, ele me disse que não, que não tinha entrevistado ela ainda. E me disse que eram histórias de pessoas próximas, de amigos, familiares. Tinha um monte de história mentirosa a meu respeito”, lembra.

Ela ainda confessa ter tido algumas discussões com Leo Dias a respeito da obra e o aconselhado a fazer algo menos pejorativo, uma vez que tinha uma artista com uma ótima trajetória para biografar.

“Isso me deixou bastante assustada. Eu tive conversas bastante calorosas com o Leo, questionei porque ele ia postar tanta mentira num livro. Que ele tinha oportunidade, por ser um homem tão inteligente, que ele é, de fazer uma livro de uma artista incrível. E o livro estava virando um recorte de mentiras, de fofocas”, lembra.

De fora dos boatos

De acordo com ela, é parte de seu posicionamento como artista evitar esse tipo de barraco, mesmo depois que o jornalista ofereceu dar espaço para que ela se manifestasse dentro da obra. Dessa forma, Preta teria como se defender das denúncias feitas por ele.

“Ele me disse: ‘Eu posso colocar então que você desmentiu, então’. Eu disse que não. ‘Não quero que você me coloque, não preciso disso, não tenho que ficar me explicando pra ninguém’. Quem me conhece sabe, meus amigos, minha família sabem que são histórias mentirosas, exceto uma. As outras todas são histórias mentirosas”, descreve.

Além disso, Preta descreve ainda que conversou com as pessoas que teria citado na história com a poderosa, para que não ficasse nenhum mal entendido entre ela e suas amigas e colegas de profissão. Afinal, são pessoas de seu convívio mais próximo.

“Na época, eu liguei para todas as partes envolvidas na história. Liguei para Claudia, pra Ivete, para Pabllo, Gominho, mas principalmente para a própria Anitta. Eu contei a ela que essas histórias não eram verdadeiras. E que a história principalmente da Jojo contar que viu esse grupo era totalmente mentira”, lembra.

Ainda assim, Preta conta que a história do grupo virou um embate de versões dela contra o da intérprete de Que Tiro foi Esse. Nesse momento, a poderosa teria optado por acreditar na funkeira.

“O motivo pelo qual ela inventou essa história eu não sei. Ela disse que a Jojo disse a ela que é verdade e ela optou por acreditar na Jojo opção dela“, destaca.

Altos e baixos entre Anitta e Leo

No vídeo em que Preta Gil comenta boatos lançados por Anitta para Leo Dias, a cantora ainda demonstra preocupação a respeito da relação conturbada entre os dois. Aliás, a cantora teria até dado alguns conselhos para Anitta não continuar próxima do jornalista. Posteriormente, no vídeo, ela opina ao dizer que existe uma indústria da fofoca. E, por isso, seria bom evitar uma pessoa como ele.

“Também falei para ela dessa história da Claudia e da Ivete. Eu não lembrava dessa história, de ter essa conversa com ela. Eu questionei e ela me disse ‘Não sei, Preta, como ele inventou isso! Ele está infernizando a minha vida. Está muito difícil para mim. Ele está perseguindo meus familiares’. Eu fui totalmente solidária a ela. Eu falei ‘Eu imagino que esteja muito difícil, sim. Você tem que fazer alguma coisa, como você pode deixar um livro sair com todas essas mentiras?’.”, relata.

Veja Também: Anitta desabafa sobre Leo Dias: ‘Fui ameaçada’

Anitta, então teria respondido a Preta que não era ela quem contou a Leo Dias aquelas histórias. “Ele pegou de um amigo, ele disse que entrevistou pessoas próximas a mim”, dissera Anitta.

Em seguida, a filha de Gilberto Gil continua seu relato: “Eu realmente acreditei que eram histórias que ele estava colhendo de outras fontes. Mas, sobre as versões, ela preferiu não acreditar em mim e acreditar na história da Jojo”.

O DVD de Claudia Leitte
Claudia Leitte gravou DVD sem participação de Anitta em 2013
Em 2013, Anitta desistiu de participar do DVD de Claudia Leitte com medo de perder oportunidade com Ivete Sangalo. Foto: AgNews

A respeito da participação no DVD de Claudia Leitte, em que, de acordo com Anitta, Preta teria dito para que ela não participasse, a cantora relata sua versão. No vídeo, a intérprete de Sinais de Fogo conta que falou com a cantora a respeito.

“A história da Claudia que eu disse para ela não participar do DVD por causa da Ivete, ela disse que não sabia de onde ele (Leo Dias) tinha tirado isso. E desmenti outras coisas também que estavam no livro. E a gente acabou se distanciando e optou por seguirmos nossas vidas sem sermos mais amigas”, destaca.

Ao longo do vídeo, Preta faz uma reflexão a respeito de como lida com notícias que saem na imprensa relacionadas a seu nome.

“Ela realmente optou por acreditar em muitas delas (fofocas e mentiras). Todas as vezes que, em algum momento, saiu na imprensa ou alguma coisa foi inventada a meu respeito em relação a ela, eu sempre tive a atitude de ligar pra ela e dizer ‘Isso é mentira'”

Fake News

Posteriormente, Preta reforça seu posicionamento de afastamento de notícias que vinculam seu nome a fatos dos quais ela diz não estar envolvida.

“Realmente, eu nunca fui para jornal ou Instagram me defender, porque eu não precisava me defender de nada. Muitas vezes fui questionada por pessoas próximas (amigos, advogados, família), mas por que eu iria entrar nesse jogo? Isso é uma indústria. E isso meio que movimenta a vida dessa geração de cantores mais novos. Eu não tenho idade pra isso, tempo, emocional… então, não vou ficar me envolvendo nisso!”, declara.

Sendo assim, Preta exemplifica sua atitude ao declarar que, quando teve problemas com fake news a seu respeito, recorreu à justiça.

“Quando aconteceu algo que eu achei realmente grave, eu procurei a justiça, num caso de uma mentira deslavada que a Fabíola Repiert publicou sobre mim em relação a Anitta, eu fui buscar meus direitos. Ganhei o caso, porque era uma mentira. Mas, nesse caso, como envolvia muito a minha honra, era algo mais grave que fofoca, era mais grave. Nas outras vezes, eu não entrei nessa baixaria!”, lembra.

O caso Marília Mendonça
Marília Mendonça teria sido chamada de gorda por Preta Gil
Marília Mendonça teria sido chamada de gorda por Preta Gil. Foto: Leo Franco/AgNews

Depois dessa longa reflexão, Preta volta à motivação de gravar o vídeo: o áudio enviado por Anitta em que ela é citada. Durante o áudio, Preta destaca que a própria Anitta revelou a Leo Dias o que aconteceu para que ela (Anitta) não participasse do DVD de Claudia Leitte.

Veja Também: Preta Gil nega ter xingado Marília Mendonça de gorda

“Duas coisas me chamaram a atenção a respeito desse áudio. Uma que ela própria conta pra alguém essa história de que eu disse a ela para não participar do DVD da Cláudia, porque se não a Ivete ia ficar chateada. Essa história é uma mentira que eu não sei de onde ela inventou. Essa ela não me disse que foi ela que tinha contado pra ele

Contudo, Preta revela que outro momento do áudio a frustrou com relação à imagem que tinha da intérprete de Bang.

“Outra coisa que me deixou muito chateada é a história de que eu, no grupo (eu Pabllo e Gominho), estava falando mal da Marília Mendonça, e que eu estava falando horrores. E que eu disse que ela era gorda. Para mim, isso é a coisa mais absurda de todas. Eu nunca falei mal da Marília para ninguém em lugar nenhum do mundo, porque eu não tenho motivos para falar mal de uma mulher que eu admiro.

Gorda é xingamento?

Ainda nas imagens em que Preta Gil comenta boatos lançados a Leo Dias, a cantora gera uma reflexão a respeito do tom pejorativo que ela, Gominho e Pabllo teriam dado ao falar que Marília é gorda. Afinal, a cantora lembra que, em sua carreira, sempre lutou contra esse tipo de preconceito.

“Chamar a Marília de gorda, (um) eu nunca chamei e (dois) chamar alguém de gorda não é ofensa. Eu sou gorda. Pode me chamar de gorda, porque eu sou gorda. O que eu enxergo na Marília, de beleza, de força, de caráter. E seja ela gorda, sim. Ela é gorda, ela é bonita sim. Ela é linda sim, gorda ou magra”, protesta.

Consequentemente, a empresária ainda relata como tem buscado mais igualdade a respeito desse caso. Dessa forma, deixa claro que é completamente improvável ter usado tal palavra contra a diva do sertanejo.

“A gente tem que parar com isso. Todo mundo sabe o quanto eu luto há anos, não estou falando agora, dessa onda de um tempo para cá do empoderamento feminino. Isso é uma coisa que eu luto há anos. Como é que eu, Preta, vou chamar alguém pejorativamente de gorda num grupo de WhatsApp? É uma história tão descabida, mas tão sem propósito, sem pé nem cabeça”.

Em seguida, Preta continua: “Isso me deixou muito irritada. Mais do que todas essas histórias que são velhas. Eu nunca falaria mal da Marília para nenhuma pessoa, para nenhum ser humano”.

Preta Gil briga Leo Dias e Anitta
Anitta era bastante próxima de Preta no início da carreira. Foto: Divulgação/Marcos Hermes
Em resumo…

Para finalizar o vídeo em que Preta Gil comenta boatos ditos por Anitta, ela explica o motivo de ter relatado todas essas histórias com a poderosa para só então protestar a respeito do caso Marília Mendonça.

“Eu tive que contar todas essas histórias, porque essa minha fala veio, supostamente, desse mesmo grupo fictício que se inventou e que nunca existiu. Eu acho realmente tudo isso muito baixo. Quem é meu amigo, meu fã, me conhece e sabe da minha índole, do meu caráter, sabe que eu estou falando a verdade. É triste ver tudo isso acontecer e mais triste ainda ver meu nome envolvido em tudo isso!”, lamenta.

Em seguida, a cantora ainda pede proteção para conseguir lidar com os desdobramentos da história, uma vez que tem ciência do interesse dos fãs a saber mais a respeito.

“É chato saber que tudo isso ainda vai ter desdobramento, vão falar. Aí vai vir fã de cá, de lá. Vão xingar, vão falar. Isso é tão desgastante emocionalmente. Então, eu oro a Deus, meus Orixás, minhas santinhas para que me protejam para que eu tenha sanidade mental para lidar com isso, porque é puxado. Gente, é isso. É tudo mentira. É chocante, é triste”, relata.

Preta e Anitta eram pessoas bem próximas no começo da carreira da cantora. Inclusive, foi a cantora baiana quem apresentou a poderosa a Ivete Sangalo, num camarim. O momento é marcado por muita emoção da carioca de Honório Gurgel. Os boatos acabaram afastando as duas e, como percebe-se, alguns foram provocados pela própria Anitta.

O Famosando tentou entrar em contato com Leo Dias para que ele comentasse o fato. Contudo, até a publicação desta nota, ele não havia respondido.

Assista ao vídeo em que Preta Gil comenta boatos lançados por Anitta.

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente