Marina Ruy Barbosa chega em velório de Tuka Rocha em São Paulo

19 Nov 2019

Tuka foi a terceira vítima do acidente que aconteceu na Bahia
 

 

O ex piloto de stock car, Tuka Rocha, foi velado na manhã desta terça-feira, 19, no cemitério do Morumby em São Paulo. O corpo do piloto chegou ao local por volta das 9 horas da manhã e foi sepultado ás 12 horas.

Tuka foi a terceira vítima da queda de um jato executivo no último dia 14 em Maraú, no baixo sul da Bahia. Sete pessoas continuam internadas em hospitais de Salvador. A morte de Tuka foi confirmada na manhã do domingo mas só foi liberado para ser transportado para São Paulo na segunda-feira. 

Tuka Rocha 

Marina Ruy Barbosa  com o marido - Foto Leo Franco/ Agnews 

 Marido de Marina carrega o caixão de Tuka - Foto Leo Franco/ Agnews

 

Marina Ruy Barbosa chegou no cemitério por volta das 9:30 horas acompanhada do marido, Alexandre Negrão. Tuka foi um dos padrinhos de casamento de Marina. A atriz entrou por uma porta lateral e não passou pela área onde a imprensa estava posicionada. Alexandre foi uma das pessoas que carregou o caixão no momento do sepultamento.

 

Rubinho Barrichello falou com emoção do amigo "Ele não tava correndo que era aquilo que ele mais gostava. Tem coisas na vida que a gente não consegue entender o porque que elas acontecem. O sorriso dele vai ficar no meu coração. Ele é um herói na verdade, era mais do que do que ver a criança feliz ele também queria ajudar o Brasil a voltar a ter pilotos brasileiros. Ele foi muito cedo"

Foto Leo Franco/ Agnews 

 

Otávio Mesquita também falou sobre o ex piloto "Tuka é um cara muito amigo meu já há muito tempo, a gente correu de carro já há trinta anos e ele foi um cara que me deu as instruções. Ele me ajudou mas o momento mais importante que eu passei que foi quando o meu filho, que eu queria que virasse piloto, meu sonho era ser piloto de carro desde criança, meu filho Pietro na época tinha seis anos e eu levei pra andar de kart. O meu filho sofreu um acidente, um acidente muito feio, não aconteceu nada, não machucou nada, mas eu me lembro da ação do Tuka. Ele correu no meio da pista de Interlagos parou tudo e ele que ajudou meu filho"

Otávio revelou que vai voltar a correr "No ano que vem eu volto e marco o nome dele no meu carro porque eu quero que esteja comigo em todos os momentos" 

 

Em 2011, Tuka já tinha escapado de um grave acidente, quando o carro que ele pilotava em uma competição pegou fogo, no Rio de Janeiro. Ele conseguiu se jogar do veículo. 


Tuka teve 80% do corpo queimado ao tentar salvar uma criança que também estava no jato. Além do ex piloto, faleceram as irmãs Marcela Brandão Elias de 37 anos e Maysa Marques Mussi de 27.

Os outros ocupantes da aeronave ficaram feridos e estão internados em hospitais de Salvador. São eles:

Aires Napoleão, de 66 anos, que pilotava o jato

Fernando Oliveira Silva, de 26 anos,

Marcelo Constantino, de 28 anos, neto do Nenê Constantino, fundador da Gol

Marrie Cavelan, de 27 anos

Eduardo Mussi, irmão do deputado licenciado Guilherme Mussi

Eduardo Trajano Telles Elias, de 38 anos, que era casado com Marcela Brandão Elias

Eduardo, de 6 anos, filho de Eduardo e Marcela.

 

 

 

 Fotos Leo Franco/ Agnews

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Please reload

  • YouTube ícone social
  • Instagram ícone social
  • Facebook Basic Black
Siga "famosando"
Please reload

O site Famosando é um parceiro do IG Gente 
contato@famosando.com.br