Filho de ex polegar tem parada respiratória em aeroporto "A maior dor da minha vida'

15 Jan 2020

Alan Frank revelou que o filho Luigi, de 6 anos engasgou e teve a respiração bloqueada

O médico e ex integrante da Banda Polegar, Alan Frank, passou por maus bocados ao retornar de uma viagem de férias com família. Alan resolveu expôr a situação para alertar aos pais "Passei pelo pior dia da minha vida! Em um único dia senti a maior dor da minha vida (na iminência de perder meu filhinho) mas também o maior alívio e a maior alegria quando o tive de volta! Espero que nenhum pai ou mãe passem pelo que passei!"

 

Alan desembarcou em Guarulhos com a mulher, Fernanda Soglia, os filhos gêmeos Luigi e Luca, de seis anos, e Nathan, de 19 anos, no dia 2 de janeiro, quando um dos gêmeos ficou à beira da morte no aeroporto.

"Quando passamos por coisas assim revemos toda nossa vida como se fosse um filme e colocamos todos nossos objetivos de vida e valores em cheque! Definitivamente o que temos de maior e real valor nessa vida são os momentos que usufruímos ao lado da nossa família e pessoas que amamos!" contou o ex Polegar em suas redes sociais.

Foto Instagram

 

À revista Marie Claire, Alan explicou como tudo aconteceu "Estávamos aguardando as bagagens e o Luigi pegou um copinho de água mineral da minha mochila e saiu correndo, pulando, brincando, e bebendo a água que pegou sem pedir. De repente, quando ele estava próximo à mãe, longe de mim, engasgou com a água, em seguida vomitou e provavelmente o pedaço de algum alimento obstruiu as vias aéreas de modo que ele começou a ficar roxo e perdeu completamente os sentidos. Teve uma parada respiratória".

 

Alan logo correu de encontro ao filho que ficou desacordado por volta de 2 minutos enquanto o pai e médico tentava realizar manobras para desobstrução das vias aéreas "Eu o deitei no chão, retifiquei sua traqueia e tentei fazer respiração boca a boca, mas não tive êxito porque sua boquinha estava travada, dura e saindo sangue. Tampei sua boquinha com a mão e tentei iniciar a ventilação pelo nariz, mas o ar não passava como se tivesse algo bloqueando a passagem", lembra. "Resolvi aspirar e em seguida soprar novamente. Daí então tive êxito, fiz a respiração boca-nariz mais algumas vezes e ele voltou a respirar. A corzinha dele voltou, mas ele estava em coma. Um pesadelo terrível", contou na publicação.

 

O menino foi atendido pela equipe de socorristas do aeroporto e encaminhado à um hospital onde retomou seu estado de consciência. Luigi ficou consciente e orientado, porém em estado de amnésia para eventos recentes. Não lembrava da viagem à Bahia, não lembrava do avião, nem de nada recente.

 

O garoto foi transferido em uma ambulância UTI para um hospital em São Paulo, onde permaneceu em observação até o dia seguinte. "Ele nos disse que foi pro céu e o avô materno o mandou voltar. Que ele viu seu corpinho no chão e entrou", relembrou emocionado durante a entrevista.

 

Em seu Instagram, Alan refletiu "Vamos viver enquanto estamos vivos, agradecer a Deus por nossa vida, da nossa família e amigos... Vamos dar valor ao que realmente tem valor!"

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Please reload

Siga "famosando"
  • YouTube ícone social
  • Instagram ícone social
  • Facebook Basic Black
Please reload

O site Famosando é um parceiro do IG Gente 
contato@famosando.com.br